quarta-feira, 25 de setembro de 2013

Toyota Corolla


  No Brasil Corolla sempre foi visto como carro de "tiozão", seja pelo seu preço abusivo que o afasta das garagens dos mais jovens ou mesmo o estilo conservador e formal que acompanha o carro nas últimas décadas. O Corolla não é um ícone da industria automotiva global por nada, o carro é mundialmente reconhecido por sua construção robusta, conforto à um preço baixo (exceto no Brasil onde é considerado um veículo luxuoso). 
  Alguns meses atrás foi apresentada a 11ª geração do Corolla sendo a primeira de 1966, durante esse tempo o carro foi se adaptando ao gosto dos clientes, variando de um continente para outro agradando os gostos locais, tudo dentro da filosofia do Toyotismo que prega a eficiência nos diversos processos de fabricação e na satisfação do consumidor final seguindo rigorosos padrões de qualidade.
  Todo carro por mais careta que seja pode ganhar um toque a mais por parte de seu dono, no caso desse Corolla que ilustra a postagem fica evidente que existe um algo a mais, não apenas no visual mas na parte mecânica, intercooler aparente mostra um motor turboalimentado e os discos de freio perfurados e slotados por traz das rodas douradas mostram a força necessária para parar o veículo. Desde o ínicio de sua nacionalização em 1998, nunca caiu no gosto de preparadores e entusiastas de performance, talvez pelo seu alto custo, ou a facilidade de preparar algo que não necessita de um investimento do zero, mas vejo o carro como uma ótima base para preparações. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários ofensivos ou que não tenham relação com o assunto do blog não serão publicadas.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...